21 de setembro de 2017

Hoje é o dia da "Árvore"

No dia 21 de setembro é comemorado o "Dia da árvore " e sabendo da importância e dos benefícios que ela traz a nossa vida, as professoras do Infantil II "A" e "B" Renata de Oliveira e Janiele Tenório, junto com seus alunos , realizaram uma atividade muito legal, onde os mesmos coloriram com tinta guache de forma coletiva uma árvore de papel.


Em seguida, a árvore foi exposta em sala de aula onde as crianças receberam explicações e exemplos de como cuidar das nossas árvores.

16 de setembro de 2017

Praticando sobre Atividade Econômica

A atividade econômica é todo tipo de atividade produtiva que gera riquezas e tem com propósito cobrir as necessidades humanas a partir do trabalho sobre os recursos disponíveis no planeta. O tema atividade econômica foi trabalhado com os alunos do 4º ano "B" de uma forma divertida, foi feita a exposição do conteúdo na sequência para verificação do desenvolvimento dos alunos, foi proposto que a turma se dividissem em grupos onde cada grupo ficasse responsável por um tipo de atividade econômica e os apresentassem em forma de mini teatro. 
O resultado foi surpreendente, os alunos usaram e abusaram da sua criatividade deixando o tema dinâmico e prazeroso, comprovando que dominaram o conteúdo abordado. Desta forma o nosso objetivo foi alcançado, os alunos diferenciaram corretamente a função de cada atividade econômica.



15 de setembro de 2017

Meios de comunicação

Os alunos do pré-infantil “A” das Professoras Marília Nascimento e Amanda Cristina trabalharam de forma dinâmica sobre meios de comunicação. 
A aula teve como objetivo, mostrar as crianças a importância dos meios de comunicação em nossa vida social, já que desde cedo os meios de comunicação fazem parte da vida de nossas crianças.

8 de setembro de 2017

Brincando e aprendendo com as cores

























Os alunos do Pré Infantil “B” das professoras Mariany Rhanielly, Marília Rayane e Patricia Araújo, trabalharam as cores de forma lúdica onde juntos formaram uma centopeia colorida parte por parte, especificando cada cor que aparecia para formar seu corpo.Sabemos que nessa fase as crianças começam a observar diferentes tonalidades no seu dia a dia.Esse conteúdo foi trabalhado com a finalidade de desenvolvem o raciocínio das crianças, através da sequência de cores.

7 de setembro de 2017

Hoje é dia 7 de setembro!

Independência do Brasil é celebrada em todo dia 07 de setembro. Essa comemoração acontece desde a época do Primeiro Império, que, a cada ano, rememorava a ocasião em que o país se tornou independente de Portugal no ano de 1822. O processo de independência do Brasil teve como principais atores históricos, além do príncipe regente D. Pedro (que se tornou o imperador D. Pedro I), alguns representantes da elite interessada na ruptura entre Brasil e Portugal. Entre esses representantes, encontrava-se aquele que também se tornou um dos maiores articuladores do Império, José Bonifácio de Andrada e Silva.
De certa forma, a possibilidade de um “Brasil independente” remonta à época da vinda da família real para o Brasil em 1808, acontecimento que inaugurou em nosso país o chamado Período Joanino

D. João VI veio com sua corte para o Brasil por ter se recusado a ser conivente com a política do Bloqueio Continental, imposta por Napoleão Bonaparte contra o Reino Unido. Como Portugal possuía importantes acordos econômicos com os ingleses, D. João VI achou por bem desobedecer às ordens do imperador francês e abandonar a Península Ibérica, sendo escoltado por navios ingleses até a costa brasileira.
Nessa época, o Brasil foi alçado à condição de Reino Unido, junto a Portugal e Algarves, deixando assim a condição de ser colônia. Muitas das ações empreendidas por D. João VI no Brasil durante o período em que aqui esteve (1808-1821) colaboraram para que o país ganhasse uma relevância que ainda não possuía. Essa relevância tinha dimensões econômicas, políticas e culturais. Entretanto, nos anos que seguiram após o fim da Era Napoleônica (1799-1815), Portugal passou por intensas turbulências políticas. Essa situação exigiu a volta do rei D. João VI com sua corte em 1821.

O rei português deixou no Brasil como seu representante D. Pedro, seu filho, que recebeu o título de príncipe regente. Durante o ano de 1821 e até os primeiros dias do mês de setembro de 1822, as turbulências políticas de Portugal fizeram-se refletir também no Brasil. As assembleias que ocorriam em Lisboa (que contavam também com representantes brasileiros) ganhavam pautas que defendiam o retorno de Portugal como o centro político do referido Reino Unido e, por consequência, a submissão do Brasil à sua posição.

Ao mesmo tempo, em terras brasileiras, o príncipe regente, orientado por representantes das elites políticas locais, promovia uma série de reformas que desagradavam as elites lusitanas. As ações de de D. Pedro mobilizaram a corte portuguesa a pedir a sua volta imediata para Portugal no início de 1822. D. Pedro recusou-se a abandonar o Brasil e, em 09 de janeiro, optou pela sua permanência no país. Esse dia ficou conhecido como Dia do Fico.

As indisposições entre Portugal e Brasil continuaram ao longo do primeiro semestre de 1822. Esse período de intensas discussões e propostas direcionadas à efetivação da independência foi exaustivamente estudado por muitos historiadores, tanto portugueses quanto brasileiros. No Brasil, destacam-se os nomes de Oliveira Lima e Nelson Werneck Sodré.

No mês de setembro, as cortes portuguesas deram um ultimato para D. Pedro voltar para Portugal, sob ameaça de ataque militar. O príncipe que estava em viagem ao estado de São Paulo recebeu a notícia e, antecipando uma decisão que já estava quase nas “vias de fato”, declarou o país independente às marges do rio Ipiranga, no dia 07. Esse gesto implicaria a futura organização do país enquanto nação e enquanto império, um projeto que não era fácil de ser conduzido.
“Alcançado em 7 de setembro de 1822, às margens do riacho Ipiranga, Dom Pedro proferiu o chamado Grito do Ipiranga, formalizando a Independência do Brasil. Em 1° de dezembro, como apenas 24 anos, o príncipe, regente era coroado Imperador, recebendo o título de dom Pedro I. O Brasil se tornava independente, com a manutenção da forma monárquica de governo. Mais ainda, o novo país teria no trono um rei português. Este último fato criava uma situação estranha, porque uma figura originária da Metrópole assumia o comando do país. Em todo de dom Pedro I e da questão de sua permanência no trono muitas disputas iriam ocorrer, nos anos seguintes.”


3 de setembro de 2017

Aprendendo sobre o Folclore Brasileiro

Os dias 21,22 e 23 de agosto foram de comemoração ao folclore brasileiro com os alunos do Instituto Dom Pedro I, onde a professora Ivanilza explanou o significado da palavra  FOLCLORE  e os mitos e lendas que também fazem parte.

Os alunos tiveram conhecimento sobre o folclore através da língua espanhola, ampliando o vocabulário de cada um em uma aula que exigia muito carinho e dedicação, com isso, desenvolveram uma atividade com alguns personagens mostrando o que tinham aprendido durante a aula tornando-a muito mais divertida.  

1 de setembro de 2017

Instituto Dom Pedro I comemora folclore com belas apresentações culturais


A cultura do povo nordestino é tesouro de valor inestimável, e para evidenciar esse nosso patrimônio, os alunos do IDP I com muito talento e graça, fizeram nesta quinta-feira (31), belíssimas apresentações coreografadas pelos professores de dança: André Dibiasy e Vitória Araújo, as quais tornaram esse dia especial.

O público pôde desfrutar também do carisma do Grupo de Dança da Melhor Idade, Vitrine Cultural – CCI – Centro de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, formado por senhoras que levam alegria por onde passam.
Confira mais fotos:


Confira todas as fotos clicando no link AQUI.
.

31 de agosto de 2017

Estudando os tipos de plantas e suas partes

Alunos do 4º ano "B", juntos com a professora Elizângela Veras, trabalharam através de uma aula de campo em prática com os tipos de plantas e suas partes, na oportunidade fizeram um passeio pelo o bairro da escola conhecendo algumas plantas daquela área, onde tiveram a oportunidade de conhecer seu habitat e os recursos necessários para a sobrevivência das mesmas. 

Nessa aula os alunos tiveram a oportunidade de conhecer além da raiz, caule, flor e fruto que são estruturas rotineiras apresentadas a esse tema a morfologia de algumas partes constituintes o que despertou ainda mais o interesse pelo o assunto. Ao retorno para sala de aula os alunos criaram um terrário para aprimorar ainda mais o conhecimento sobre as plantas e como cultivar plantas em pequenos espaços.

30 de agosto de 2017

Convite!


Instituto Dom Pedro I é campeão nos Jogos Escolares de Santa Cruz do Capibaribe



Em partida realizada nesta segunda-feira (29) às 15h no Espaço Pele Bronzeada, a equipe de Futebol Society pré-mirim “A” na categoria masculina do Instituto Dom Pedro I, goleou a Escola Santo Antônio pelo placar de 10×0.
Com o resultado, o Dom Pedro I conquistou o título de campeão na categoria dos Jogos Escolares 2017 de Santa Cruz do Capibaribe.
Parabenizamos aos nossos atletas e seus professores pela dedicação e empenho.
Agradecemos também a torcida IDPI, pais, alunos professores que com todo seu entusiasmo incentivaram nossos vencedores a conquistar esse título.
.

Educação e formação como caminho do desenvolvimento

Para mais informações e reservas de senhas ligue: 3731 1667

Alimentação Saudável

Os alunos do 1º Ano "C" da professora Mariana Feitosa, realizaram o projeto: Eu sou o que eu como, que por sua vez permitiu o estimulo ao hábito de uma alimentação saudável, através do consumo das frutas em nosso dia a dia, proporcionando o contato do educando com as frutas de uma maneira atraente, lúdica e educativa.

26 de agosto de 2017

Aprendendo sobre os Artistas Brasileiros

Na sexta-feira (25), os alunos do Infantil I "B" juntos com as professoras: Adriana Maria e Lília Neres, conheceram as obras de uma de nossas artistas Brasileiras, Tarsila do Amaral.As crianças se divertiram e aprenderam de forma lúdica sobre nossa grande artista.Na oportunidade as crianças fizeram a releitura de uma das obras conhecida por: ABAPORU.

23 de agosto de 2017

Aluna do Instituto Dom Pedro I se destaca no Karatê em Gravatá


Campeã de Katá.
É com muita alegria que O Instituto Dom Pedro I, parabeniza a aluna, Evellyn Laura Pessoa da Silva do 2º ano “B” do ensino fundamental que participou da 22ª Copa Inverno de Karatê, onde foi campeã de Katá e vice campeã de luta na categoria de até 7 anos em todas as faixas.
Evellyn é faixa vermelha e já participou de vários outros campeonatos onde pode enfrentar várias adversárias inclusive de outras modalidades e mesmo assim, sempre trouxe resultados positivos, colocando sempre em prática, o que seu Sensei Severino Gomes ensinou.

                                                                                                        Vice-campeã de luta na categoria de até 7 anos.

A competição aconteceu na escola Cônego Eugênio Vilanova em Gravatá no último domingo (20).